Eu não tinha alternativa | Cris Guerra

“‘Não sou o autor’ são textos que não escrevi e vídeos que não produzi, mas que gostaria de ter sido o autor.
Deixo-os aqui registrados para que eu possa ler novamente em algum momento no futuro.”

Eu não tinha alternativa – Cris Guerra

Eu não queria colocar os pés no chão. Não tinha mais chão. Eu tinha a minha vida e não sabia o que fazer com ela.

Medo do pior? Não. O pior já tinha acontecido. Eu visualizava o mapa do meu futuro, desenhado na minha cabeça, e olhava para uma estrada que já não existia mais.

Terra, mato, pedra.

Eu teria que construir outro caminho. Mas a minha dor parecia maior que eu. E agora? Meu corpo havia virado uma pergunta. Agora é agora. Não é ‘amanhã’. Não é ‘já passou’. Não é com o outro, é comigo.

Depois de um tempo, a dor começou a agir sobre mim. Do desespero nasceu uma coragem que eu desconhecia.

Eu não tinha alternativa.

E não há nada mais mobilizador do que não ter alternativa.

Ouça este texto da Cris Guerra:


SOBRE A CRIS GUERRA:

Pioneira no empreendedorismo digital, Cris Guerra tornou-se referência, lançou tendências e mudou comportamentos. A publicitária premiada transformou em negócio o que o mercado enxergava como hobby: criou o primeiro blog de looks diários do Brasil, desconstruiu a percepção de moda como futilidade e trouxe um novo olhar sobre o comportamento humano, trazendo a roupa como ferramenta de autoestima e autorrealização. Cris escreve nas revistas Pais&Filhos e Vida Simples e assina a coluna “O poder de ser de verdade“, na Rádio BandNews FM (BH). Autora de 6 livros, 3 deles best-sellers brasileiros, Cris viaja o Brasil falando sobre comportamento, estratégia e criatividade em eventos de diferentes perfis

Você pode ler mais e conhecer a Cris Guerra nos links abaixo:
Site – http://crisguerra.com.br/
Instagram – https://www.instagram.com/eucrisguerra/
Youtube – https://www.youtube.com/user/hojevouassim

About the Author: Rafael Stein

me chamam de stein ou rafa, coo na Smart Money Ventures, sou co-fundador da @escoladepai, mas, na verdade, aqui, sou pai da maria clara e do francisco. tenho escrito cartas, bilhetes e afins para meus filhos e registro para que eles leiam em algum momento no futuro,
Sua assinatura não pôde ser validada.
Você fez sua assinatura com sucesso.

Newsletter

Assine nossa newsletter e mantenha-se atualizado.

Leave A Comment

Posts Relacionados