Cartas para Maria | Rafael Stein

Hoje a mamãe faria 40 anos. Se ela estivesse aqui, eu acordaria mais cedo, prepararia o café da manhã e iríamos, nós três, acordá-la com o café servido na cama. Entraríamos no quarto cantando parabéns, cobriríamos ela de beijos e daríamos o presente escolhido por vocês.

Ela ainda estaria dormindo ou fingindo só para as vocês fazerem a surpresa. Abriria o presente fazendo cara de surpresa sendo observada por vocês.

Pensando nela, hoje observamos o céu, procuramos por uma estrela, rezamos, cantamos parabéns e mandamos todo o amor para ela.

Ela não está longe, apenas está do outro lado do Caminho.

Estamos seguindo em frente, como ela sempre quis que seguíssemos.

Compartilhe