ninguém lhe deve nada | Harry Browne
Categorias: Não sou o autorTags: ,

“‘Não sou o autor’ são textos que não escrevi e vídeos que não produzi, mas que gostaria de ter sido o autor.
Deixo-os aqui registrados para que eu possa ler novamente em algum momento no futuro.”

ninguém lhe deve nada | Harry Browne

— Em breve será Natal e mais uma vez estou com o mesmo problema: não sei o que te dar de presente. Sei que se interessa por muitas coisas: livros, jogos, vestidos.

Mas quero lhe dar algo que ficará com você por um longo tempo, muito mais do que o normal. Algo que fará com que se lembre de mim todo Natal.

E acho que sei o que quero te dar. Uma simples verdade, a qual para mim não era óbvia no começo e, se você a entender agora, vai fazer sua vida melhor. Um segredo que pouca gente conhece e que te ajudará a evitar problemas.

É simples: Ninguém lhe deve nada.

O que isso significa?

Como pode ser que uma afirmação tão simples seja de tamanha importância? É possível que, no momento, esse fato não lhe pareça considerável, mas literalmente salvará a sua vida. Ninguém vive por você, minha filha. Porque você é dona de sua e ninguém mais. Todo mundo vive para si mesmo e para a sua própria felicidade e, quanto mais cedo entender isso, será mais fácil se livrar da expectativa de que alguém te fará feliz.

Isso significa que ninguém é obrigado a te amar. E se alguém a ama, é porque há algo especial em você que faz a outra pessoa feliz. Tente entender o que é esse algo mais e reforce essa característica, para que gostem ainda mais de você. E se as pessoas fizerem alguma coisa por você, é porque assim o quiseram e isso significa que, por algum motivo, você é valiosa para essas pessoas. Por isso, elas querem lhe agradar, e não porque alguém lhe deva algo.

Veja, filha, ninguém é obrigado a te respeitar. E algumas pessoas não vão te tratar bem. Mas assim que entender que não são obrigadas a te tratar bem, você aprenderá a evitar se relacionar com quem pode lhe machucar. E, claro, você também não deve nada a elas.

Outra vez, ninguém lhe deve nada.

Você deve ser cada dia melhor apenas para si, nesse caso, os outros vão querer estar perto de você e vão querer te apoiar e dividir com você o que for preciso. Se alguém não quer estar com você, o problema não será seu. Se isso acontecer, procure relacionamentos que queira e não deixe que um problema alheio se torne seu também.

Quando você entende que é preciso conquistar o respeito e o amor daqueles que a cercam, nunca mais vai esperar o impossível e não se sentirá decepcionada. Os outros não são obrigados a compartilhar com você seus sentimentos ou pensamentos e, se o fizerem, significa que você merece; significa que tem razão para se orgulhar do amor que recebe, do respeito de seus amigos e tudo o que ganhou. Mas não fique parada esperando, como algo que deve ser assim, porque facilmente pode perder tudo. Nada, filha, é seu por direito, tudo precisa ser conquistado.

Minha experiência

Senti que tinha uma pedra no meu peito, quando percebi que ninguém me devia nada. Até aquele momento pensava que não era bem assim e desperdiçava uma grande quantidade de energia, se não conseguisse o que queria.

Ninguém é obrigado a me respeitar, a ser meu amigo, a me amar ou a me fazer progredir. No final, os meus relacionamentos melhoraram porque aprendi a estar com as pessoas com quem quero estar e a fazer apenas o que quero fazer.

Compreender isso me abriu portas para novas amizades, para relações de negócios, para potenciais clientes e permitiu que novas pessoas entrassem na minha vida. Saber desta verdade sempre me faz lembrar que posso conseguir o que eu desejo, somente se conseguir chegar à outra pessoa. Devo entender o que o outro sente, o que deseja e o que é lhe importante e só então nesse momento conseguirei entender se quero ou não me relacionar com essa pessoa.

Não é tão fácil explicar em duas palavras o que tive de descobrir e aprender em anos, mas pode ser que você volte a ler esta carta em cada Natal e seu significado se tornará cada vez mais claro.

Torço para que isso aconteço, pois desejo do fundo de meu coração que você aprenda o quanto antes que, de novo, ninguém lhe deve nada.

Produzido com base no texto de 25 de dezembro de 1966, Autor da carta: Harry Browne.

Fonte: http://bit.ly/2PPVndd

 

SOBRE O AUTOR:

Harry Edson Browne era um escritor, político e consultor de investimentos americano. Ele foi o candidato presidencial do Partido Libertário nas eleições dos EUA de 1996 e 2000. Ele é autor de 12 livros que, no total, venderam mais de 2 milhões de cópias.

Você pode ler mais e conhecer o Harry Edson Browne no link abaixo:

Site – http://www.harrybrowne.org/

About the Author: Rafael Stein

Rafael Stein é pai da Maria Clara e do Francisco, COO da SmartMoney Ventures, investidora em startups em estágio inicial, autor do cartasparamaria.com.br no qual escreve cartas e bilhetes para que seus filhos leiam no futuro, membro do projeto Luto do Homem e voluntário na Fundação Elisabeth Kubler-Ross.

Categorias

Sua assinatura não pôde ser validada.
Você fez sua assinatura com sucesso.

Newsletter

Assine nossa newsletter e mantenha-se atualizado.

Leave A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Posts Relacionados