“‘Dicas para a Vida’ são textos que não escrevi e vídeos que não produzi, mas que gostaria de ter sido o autor. Deixo-os aqui registrados para que Maria Clara e o Francisco possam ler em algum momento no futuro.”

VOZ AO VERBO 69 – super-herói de verdade

As pessoas mais fortes não são as que fazem mais força para esconder suas fraquezas.

São as que encontram na vulnerabilidade a sua maior defesa.

Eu sempre ouvi pra encarar esse mundo tão duro eu precisava de ideias concretas e tinha que ter um coração de pedra batendo em um peito de aço.

E tinha que ser firme, consistente.

E se isso não for convincente tá ai o seu fracasso.

Se chorar, perdeu.

“Engrossa essa voz e diz que não doeu!”

Mas quem é que consegue ser sempre tão seguro?

Quem nunca teve medo do escuro?

Medo de vaia?

Porque é mais fácil tentar apagar o brilho daqueles que se expõem quando agem do que perder o medo que a máscara cais para encarar a vida na cara e coragem.

O corajoso de verdade não é o que não tem medo nenhum é o que perde apenas um: o medo da sinceridade.

A gente fica sempre querendo bancar o herói e não vê que todo o peso de existir está nessa fantasia de poder que a gente usa por ai.

Sem notar que ficar preso ao orgulho é o que não nos deixa voar.

Tem que ser sempre a supermãe, super mulher, super-homem, super filho.

Cansa!

Tem que assumir que uma hora cansa.

Vamos trocar essa cobrança que tem que ser forte o tempo inteiro. e não engolir desaforo pelo superpoder de ser feliz de quem não engole o choro.

Pra que a gente  possa botar para fora tudo, tudo de bom que está aqui dentro, vem dessa leveza a força que é preciso.

Ai, de vez em quando, sai até um sorriso.

Ouça este poema na voz do poeta Allan Dias Castro:

SOBRE O AUTOR

Allan Dias Castro é o criador do Programa Dando as Letras e o autor do livro “O Zé-Ninguém”, lançado em 2014. Escritor e letrista radicado na cidade do Rio de Janeiro desde 2010, vem somando parcerias com importantes nomes da MPB, de diferentes estilos e gerações. Allan escreve música e sobre música, colaborando com sites, revistas e jornais.

“Poeta é quem toma liberdades com a língua e o Allan Dias Castro faz isso com maestria. Sua poesia, sua prosa poética, seus epigramas e aforismos – e suas letras de musica – são exercícios de extrema liberdade. E entre o lírico, o satírico e o bem bolado, ele nos leva junto em cada voo.” Apresentação de Luis Fernando Verissimo para “O Zé-Ninguém”, livro lançado em 2014.

Você pode ler mais e conhecer o Allan Dias Castro nos links abaixo:
Site – http://www.allandiascastro.com.br
Facebook – https://www.facebook.com/allandiascastro/
Instagram – https://www.instagram.com/allandiascastro
Youtube – https://www.youtube.com/channel/UCbIl001-yZLq1cMobnI4lJg