Querido filho Francisco,

The Rolling Stones é uma banda de rock britânica formada em Londres em 1962, reconhecida como um dos maiores e mais bem sucedidos grupos musicais de todos os tempos. Ao lado dos Beatles, formam a banda mais importante da chamada Invasão Britânica ocorrida nos anos 1960. A banda e seus membros ocuparam posição de destaque nas mudanças musicais e comportamentais dos anos 1960 e são frequentemente relacionados à contracultura, rebeldia e juventude.

Eles venderam mais de 240 milhões de álbuns no mundo inteiro desde que iniciaram a carreira.

Mas porque estou explicando isso? Afinal, quando você crescer, Francisco, os Rolling Stones ainda serão os Rolling Stones … A melhor banda de rock de todos os tempos. Talvez eles ainda estejam vivos.

Em 15 de novembro de 2015 a notícia tornou-se oficial: os Rolling Stones voltariam ao Brasil para quatro shows em 2016. Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre foram sedes da Olé Tour no país.

O Maracanã, no Rio, recebeu a primeira apresentação, no dia 20 de fevereiro. Em São Paulo foram dois shows, em 24 e 27 de fevereiro, no Estádio do Morumbi. Os Stones encerraram a passagem pelo País em Porto Alegre, no Estádio Beira-Rio, no dia 2 de março.

Em um vídeo gravado especialmente para o anúncio, a banda afirmou que os latinos proporcionam um ambiente “elétrico”. “Sem dúvida, o melhor ambiente que já vimos com a banda desde o início dos anos 1970”.

 

O último show que os Stones fizeram no Brasil foi em 2006, quando tocaram de graça para cerca de 1,2 milhão de pessoas na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro.

Melhor ir agora porque eles não voltam mais

O que pensei quando o show do Rolling Stones foi anunciado? “Melhor ir agora porque eles não voltam mais”. Desde que os Stones desembarcaram por aqui, pela primeira vez, se apostava em quanto tempo a banda ainda estaria na estrada.

Eles estavam de volta e seria a minha última oportunidade de assistir a maior banda de rock de todos os tempos.

Quando foi noticiado que os Rolling Stones viriam ao Brasil, a mamãe Micaela já estava grávida de você, Francisco, e a primeira data prevista para o seu nascimento era 20 de março. Fiz as contas rapidamente e entendi que tinha uma margem de segurança. Liguei para ela e conversamos sobre a possibilidade de irmos ao show, o que ela logo descartou e, em seguida, disse que eu poderia ir.

Com isso, entrei no site para comprar o ingresso.

 

Mãe Dináh* e suas previsões

Logo depois de comprar o ingresso comentei com minha amiga, Carol Silveira, por telefone, que iria no show, e abaixo reproduzo a nossa conversa:

Eu: Carol, comprei os ingressos para os Rolling Stones
Carol: Mas quando vai ser?
Eu: 24 de fevereiro
Carol: Mas para quando está previsto o nascimento do Francisco?
Eu: 20 de março
Carol: Então o Francisco vai nascer no dia do show.
Eu: Imagina Carol. É quase 1 mês antes.
Carol: Escuta o que estou falando. Vai nascer no dia.

Não dei muita bola para o que a Carol disse. Conversamos sobre outros assuntos e nos despedimos.

Para quem não conhece a Carol Silveira, nos encontramos em algum trabalho que não me lembro (e na verdade não importa) e nos tornamos amigos não sei bem como. Foi a primeira pessoa para quem contei sobre a ideia de fazer o Caminho do Sol como preparatório para o Caminho de Santiago. Por causa do incentivo dela fui em frente e depois, sem ela pensar direito (presumo), aceitou o convite para ir comigo e o tio Guilherme. Aqueles 11 dias nos uniram e desde então eu quero a amizade dela para o resto da vida. Quando parei para pensar, notei que compartilho com ela hoje quase que o diário da minha vida. Ela me dá conselhos e alguns puxões de orelha como só os bons amigos fazem. Hoje mantenho a amizade depois que descobri o chá que o pai dela leva para ela todo dia, no mesmo horário, no escritório, mas isso é outra história….

E os dias passaram…

Após a euforia da compra do ingresso e da confirmação por e-mail, a atenção era toda para a mamãe e o andamento da gravidez.

Neste mesmo período que antecedeu o show aconteceram muitas coisas que exigiram minha dedicação. Percorri o Caminho do Sol junto com tio Gui e a Carol Silveira (a Mãe Dinah), um roteiro de 241 quilômetros entre Santana do Parnaíba e Águas de São Pedro, no interior de São Paulo.

Logo depois, eu e mamãe decidimos mudar de apartamento para conseguir adequar o espaço à nossa família que estava crescendo.

Faltava um mês para os Rolling Stones chegarem ao Brasil com a turnê America Latina Olé 2016 e tudo caminhava bem. Os exames indicavam que você e a mamãe estavam bem e seguiríamos com o acompanhamento e exames de rotina. Também havíamos nos mudado para o apartamento novo e estava tudo pronto para lhe receber.

Fotos: Juliana Frug

Faltando 1 semana para o show, os exames de rotina da mamãe apontaram queda do líquido amniótico, o que nos exigiu maior atenção e cuidado. Este mesmo sintoma havia ocorrido na primeira gravidez da mamãe. Nesta semana os Rolling Stones chegaram ao Brasil e desembarcavam no Rio de Janeiro para o primeiro show da turnê.

 

Novos exames e a profecia da Mãe Dinah

Com a queda do líquido amniótico, passamos a acompanhar e fazer o ultrassom com maior frequência. No dia 22/02 faríamos novo ultrassom para saber como você estava e, contrariando a previsão inicial, com a queda contínua do líquido não poderíamos esperar: você viria ao mundo naquela semana, mais precisamente no mesmo dia do show. Fomos até a Maternidade para fazer a consulta com o anestesista.

Últimos preparativos

Um dia antes de você nascer tivemos um imprevisto. Inicialmente o parto seria realizado na Maternidade de Campinas, porém a falta de leitos devido à crise na área da saúde nos obrigou a procurar outro hospital. Conseguimos uma vaga com a ajuda da médica. Essa mudança repentina deixou a mamãe preocupada e nervosa. Foi um dia tenso.

Não estava mais pensando no show e foi assim que me lembrei do ingresso. Inicialmente pensei em tentar vendê-lo, mas, em seguida, desisti e pedi ao amigo e ex-sócio Ricardo Kadun (que iria comigo ao show) para ver se havia alguém interessado, pois tinha decidido dar o ingresso. Entre uma ligação e outra, um outro amigo, o “Torto”, ficou com o ingresso. Fiz um único pedido ao Kadun que, se possível, trouxesse uma camiseta ou alguma lembrança do show.

Fotos: Torto e Arquivo Pessoal

O maior show do mundo

No dia 24/02 eu assisti ao maior show do mundo. Às 19h22 você nasceu pesando 2.955 kg e medindo 49cm.

Os Rolling Stones entraram no palco às 21h16 (clique aqui para conferir o setlist do show). Quando tocou a música preferida da mamãe já estávamos no quarto.

Não sei quando terei outra oportunidade de ver os Rolling Stones ou quanto tempo eles ainda têm de estrada.

Mas penso que são eternos e, quem sabe, ainda iremos juntos a um show deles!

* Mãe Dináh foi uma vidente brasileira. Após adquirir fama com suas previsões na década de 90, teve uma passagem relâmpago pela TV Gazeta e foi candidata a vereadora pela cidade de São Paulo em 1996, pelo PFL. Wikipédia
Fotos e vídeos (show): https://www.facebook.com/RollingStonesinBrazil/

About the Author: Rafael Stein

Rafael Stein é pai da Maria Clara e do Francisco, COO da SmartMoney Ventures, investidora em startups em estágio inicial, autor do cartasparamaria.com.br no qual escreve cartas e bilhetes para que seus filhos leiam no futuro, membro do projeto Luto do Homem e voluntário na Fundação Elisabeth Kubler-Ross.

Categorias

_

Sua assinatura não pôde ser validada.
Você fez sua assinatura com sucesso.

Newsletter

Assine nossa newsletter e mantenha-se atualizado.

One Comment

  1. Eni Torres fevereiro 24, 2019 at 3:01 pm - Reply

    Como disse lá no grupo, não tenho dúvidas de que você verá os Stones.
    Agora sim! O 2° maior show da sua vida!

    Parabéns pelos lindos pimpolhos!

Leave A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Posts Relacionados