Depois de 18 anos, os Rolling Stones voltaram a tocar em São Paulo, dia 24 de fevereiro de 2016, sendo pela primeira vez no Estádio do Morumbi. Celebrando 54 anos de carreira, o grupo inglês tocou a maioria de seus clássicos, levando o público de mais de 65 mil espectadores ao delírio.

O show proporcionado pelo carismático vocalista Mick Jagger, pelos guitarristas, Keith Richards e Ron Wood, e pelo baterista Charlie Watts, foi gigantesco, a começar pelo palco, com 20 metros de altura, com telão de 208m² e 535 toneladas de equipamentos.

Para começar com tudo, o clássico “Start Me Up” fez o Morumbi tremer. Clássicos, por sinal, não faltaram no vasto repertório apresentado por mais de duas horas, com sucessos como “Sympathy For The Devil” e “(I Can’t Get No) Satisfaction”, que levantou o público no bis. Mike Jagger conversou diversas vezes com o público em português, arrancando aplausos da plateia.

Um dos pontos altos da turnê e o que diferencia cada show é a música que o público escolhe para ser tocada especificamente naquela apresentação. Nesta quarta-feira, a eleita foi “Bitch”.

Abertura
Pouco mais de duas horas antes da banda inglesa entrar no palco, uma das mais importantes bandas do rock nacional aqueceu as vozes dos fãs dos Stones: Titãs. No repertório, grandes clássicos, como “Polícia”, “Marvin”, “Homem Primata” e “Lugar Nenhum”. A apresentação, que levantou o público e arrancou inúmeros aplausos, durou pouco mais de 50 minutos.

Esta não foi a primeira vez que o grupo brasileiro abriu um show dos Rolling Stones. Os grupos haviam se encontrado há dez anos, na histórica apresentação da banda inglesa na praia de Copacabana para mais de 1 milhão de pessoas.

Setlist – O show do Rolling Stones que eu não fui
1. Start me Up
2. It’s only rock’n roll
3. Tumbling dice
4.Out of control
5. Bitch
6. Beast of burden
7. Worried about you
8. Paint it black
9. Honky tonk women
10. You got the silver
11. Happy
12. Midnight rambler
13. Miss you
14. Gimme shelter
15. Brown sugar
16. Sympathy for the devil
17. Jumping Jack flash

Bis
You can’t always get what you want
Satisfaction

Ouça a Playlist – O show do Rolling Stones que eu não fui

Fonte: SPFC

About the Author: Rafael Stein

me chamam de stein ou rafa, coo na Smart Money Ventures, sou co-fundador da @escoladepai, mas, na verdade, aqui, sou pai da maria clara e do francisco. tenho escrito cartas, bilhetes e afins para meus filhos e registro para que eles leiam em algum momento no futuro,

Leave A Comment

Posts Relacionados